Graça Machel ameaça processar o médico de Mandela

Graca Machel ameaça processar o médico de Mandela

A viúva do falecido ex-presidente sul‐africano Nelson Mandela, Graça Machel, criticou o recém-lançado livro, “Últimos Dias de Mandela” lançado pelo seu médico Vejay Ramlakan, considerando processa‐lo.

O livro detalha os últimos anos de Mandela, incluindo momentos íntimos antes da morte dele. Ramlakan, ex-cirurgião geral sul‐africano, dirigiu a equipa médica de Mandela até sua morte em 2013.

Ramlakan também detalha algumas das doenças de Madiba, incluindo sangramento de estômago e úlcera e uma infecção pulmonar.

“Na noite anterior, supunha-se, uma hemorragia repentina e uma infecção pulmonar concomitante provavelmente causaram uma aspiração de sangue que estava sendo regurgitado”, diz um extracto do livro, citado pelo jornal News24.

As revelações feitas pelo médico indignaram Graça Machel, que manifestou o sentimento em comunicado.

“Eu condeno o livro nos termos mais fortes.. É uma violação da relação de confidencialidade entre médico e paciente… Estou a accionar a assessoria jurídica sobre a questão de iniciar ou não um processo judicial contra o autor e sua editora”, disse Machel.