Japão congela financiamento à Moçambique

Japão congela financiamento à Moçambique

O governo do Japão reteve uma verba de  100 milhões de dólares, bem como outras ajudas, doações e empréstimos a Moçambique, na sequência do escândalo das dívidas ocultas por parte de empresas públicas.

Segundo o chefe da Agência Japonesa de Cooperação Internacional (JICA) em Moçambique, citado pela FM, « os fundos serão libertados depois do governo alcançar um acordo com o Fundo Monetário Internacional, instituição que congelou a ajuda a Moçambique até à realização e divulgação de uma auditoria ao destino dado ao montante dos empréstimos ».

Entretanto, Katsuyoshi Sudo, assegura que a medida não vai afectar as relações entre os dois país.

Importa referir que está em Maputo uma missão do Fundo Monetário Internacional, onde até 19 de Julho vai  analisar o resultados obtidos do relatório da auditoria da Kroll, sobre as dívidas ocultas.

(1126 Posts)