Sangue nas estradas reduz, mas índice de sinistralidade continua alto

acidente

O primeiro trimestre do presente ano, o ambiente rodoviário registou um total 380 acidentes de viação, que resultaram na morte de 256 pessoas e 801 feridos, dos quais 301 com gravidade, segundo o Instituto Nacional de Transportes Terrestres (INATTER).

Apesar dos dados revelarem um ligeiro decréscimo, comparativamente a igual período do ano passado, as autoridades mantêm a sua preocupação com a alta sinistralidade.

O consumo de álcool e condução em alta velocidade continuam a liderar as causas do elevado número de sinistros, o que preocupa a Associação Moçambicana Para Vítimas de Insegurança Rodoviária (AMVIRO), que apela para mais campanhas de consciencialização, bem como maior vigilância das estradas por parte das autoridades competentes.

(1126 Posts)