Bill & Melinda Gates: Quanto vai custar este divórcio? Pode ser o mais caro de sempre

Bill Gates, o co-fundador e ex-CEO da Microsoft, e a mulher, Melinda Gates, anunciaram, nesta segunda-feira, 3 de maio, que iriam divorciar-se ao fim de 27 anos de casamento. A notícia foi dada pelos próprios nas redes sociais e apanhou todos de surpresa. 

Este pode ser o divórcio mais caro de sempre da história. Bill e Melinda Gates têm uma fortuna avaliada em 130,5 bilhões de dólares, segundo a Forbes, e esta rutura levanta, assim, questões sobre o destino do dinheiro. Não se sabe, até ao momento, como o casal vai dividir os bens ou se terão assinado um acordo pré-nupcial, mas devido ao tamanho da fortuna, este será, mesmo, um dos maiores acordos de divórcio da história.

Não há registo de acordo pré-nupcial entre Bill e Melinda Gates
Bill Gates, que em 1975 fundou a Microsoft, vale 130,5 bilhões de dólares (qualquer coisa como 109 mil milhões de euros) e é a quarta pessoa mais rica do mundo, de acordo com a Forbes. Gates tornou a pessoa mais rica do mundo – com uma fortuna de12,9 bilhões – em 1995, um ano depois de se casar com Melinda.

De acordo com a petição de divórcio, Bill e Melinda estão separados e assinaram um contrato que determina como irão administrar as finanças após o divórcio. O casal pediu para dividir os seus ativos com base nos termos do contrato de separação, mas os detalhes do mesmo não foram divulgados. O processo não menciona um acordo pré-nupcial, mas isso não significa que não tenham um, uma vez que não são obrigados a divulgar tudo no processo.

Caso Bill e Melinda Gates decidam dividir a fortuna de forma igualitária (50%, cada um), a fortuna de Melinda Gates passaria a estar avaliada em 62.25 mil milhões de dólares (51 mil milhões de euros).

Melinda Gates diz que não precisa do « apoio do marido »


Nos documentos judiciais do divórcio, a que a NBC News teve acesso, Melinda disse que o casamento está « irremediavelmente desfeito », que não precisa do « apoio do marido » e que a divisão de bens vai ser feita com base num contrato de separação. « Pedimos ao tribunal que dissolvesse o nosso casamento e decidisse que a nossa união matrimonial terminasse na data estipulada no nosso contrato de separação », lê-se num dos documentos. 
Bill Gates, o co-fundador e ex-CEO da Microsoft, e a mulher, Melinda Gates, anunciaram, nesta segunda-feira, 3 de maio, que iriam divorciar-se ao fim de 27 anos de casamento. A notícia foi dada pelos próprios nas redes sociais e apanhou todos de surpresa. 

Apesar da separação inesperada, Bill e Melinda garantem que vão continuar o trabalho que têm vindo a fazer na The Bill and Melinda Gates Foundation — a maior fundação privada do mundo, focada em melhorar as condições da população mais desfavorecida em todo o mundo. 

leave a reply