Sai treinador, entra treinador, mas Messi continua resolvendo

O Barcelona recebeu o Granada no Camp Nou, partida que marcava a estreia de Quique Setién no banco ‘culé’. Com um amplo domínio da posse de bola, a vitória saiu no segundo tempo, com um jogador a mais e dos pés de Leo Messi.

Um dia muito esperado no Camp Nou! Após a demissão de Ernesto Valverde e a contratação de Quique Setién no último domingo, o Barça voltou a campo com um novo comandante nos bancos.

O treinador manteve o esqueleto da equipe, não ousou demais na sua primeira escalação. Melhor para Ansu Fati que começou no time titular.

Com a bola rolando já deu para ter uma ideia do que está por vir nessa nova fase do Barcelona, muito embora, não seja uma novidade: o ‘tiki taka’ volta ao Camp Nou. 

amplo domínio da posse de bola e os constantes toques laterais eternizados na passagem de Pep Guardiola pelo banco azulgrana, parecem ser a inspiração de Setién. 

O jogo foi pautado desta forma, o Barça com a bola nos pés, mas sem um homem de referência no ataque, apostava nos chutes de fora da área, enquanto o Granada lutava por um contra-ataque.

A pressão do Barça era tremenda, tanto que o Granada só teve a sua primeira finalização aos 27 minutos do primeiro tempo, e Fernández mandou para fora. Antes disso, só deu Barça. Ansu Fati, Messi e Jordi Alba iam construindo e desperdiçando oportunidades.

No segundo tempo, quando a posse de bola do Barcelona roçava os 80%, veio a melhor oportunidade do jogo e foi do Granada. Brice soltou o pé de fora da área e carimbou o pé da trave de Ter Stegen!

Na jogada seguinte, veio um lance determinante para a partida, a expulsão de Germán. O zagueiro fez uma falta em Messi e recebeu o segundo cartão amarelo e consequentemente o vermelho! 

Com a bola no pé e a vantagem númerica, o jogo ficou ainda mais a disposição do Barça e o gol saiu. Tudo passa no mundo do futebol e também no Barcelona, menos Leo Messi, ele é sempre o salvador.

Riqui Puig recuperou a bola, rolou para Arturo Vidal que fez o pivô e ajeitou de calcanhar para Messi chutar sem chances para Rui Silva. 

A ‘nova era’ azulgrana começou com velhos conhecidos: ‘tiki taka’ e Leo Messi. É bem verdade que em uma semana Setién não teve tanto tempo para desenvolver os seus conceitos, mas deixa claro quais são as suas referências. 

Com a vitória, o Barcelona de Quique Setién chegou aos mesmos 43 pontos do Real Madrid, mas os azulgranas levam vantagem nos critérios de desempate e ficam com a liderança. Já o Granada continua na 10º posição.

Na próxima rodada o Barça vai até Mestalla encarar o Valência, enquanto o Granada viaja até Sevilla para enfrentar a equipe de Lopetegui.