Publicite Aqui.

Impressão digital: o que é?

Muita gente acha de a impressão digital serve apenas para nos diferenciar uns dos outros, mas na verdade ela serve também para nos ajudar a segurar as coisas.

Surpreendentemente ela aparece em nossos dedos com uma finalidade fisiológica, a aderência. Se nós não tivéssemos impressões digitais, nossa pele seria totalmente lisa. Ou seja, os dedos não conseguiriam segurar nada porque os objectos iriam escorregar.

Desse modo, a impressão digital é formada por linhas salientes nas pontas dos dedos, chamadas de papilas. E não só os dedos possuem essas linhas, mas os pés e as pautas das mãos também. Em resumo, existem quatro tipos de linhas básicos:

  • Arco
  • Presilha interna
  • Presilha externa
  • Verticilo

A partir dessas linhas foi possível observar cada desenho formado e assim sendo elas receberam números e letras simbólicos. Foi a partir dessa análise que descobriram que as pessoas não conseguem ter a mesma impressão digital. Ou seja, até mesmo gêmeos univitelinos, que possuem o mesmo DNA, têm impressões digitais diferentes.

É por causa dessa singularidade que a impressão digital é utilizada em nossos documentos de identificação. Além disso também é usada na hora de votar e nos bancos. Assim também ela é utilizada para identificar suspeitos em cenas de crimes. Isto acontece porque, ao tocar qualquer objecto ou superfície, a impressão digital fica marcada no lugar. Em sequência é só escanear as marcas e comparar no banco de dados.

Reendex

Must see news