UEFA Champions League: Resumo, Sporting goleia, Porto empata e há mais dois apurados

O Sporting conseguiu a goleada da noite de quarta-feira na UEFA Champions League, ao receber e vencer o Besiktas por 4-0 em Alvalade, já depois de o FC Porto ter empatado 1-1 com o AC Milan. Os dois conjuntos portugueses seguem na luta pelo apuramento nos respectivos grupos, nos quais Ajax e Liverpool selaram a passagem aos oitavos-de-final. Já em Madrid, brilhou Benzema com um bis na vitória sobre o Shakhtar.

Grupo A

Man. City 4-1 Club Brugge

A equipa de Josep Guardiola recuperou de uma exibição instável na primeira parte e conseguiu uma vitória confortável em casa. O tento inicial de Phil Foden foi anulado quando John Stones desviou um cruzamento para a sua baliza com a face, e depois disso o Club Brugge ameaçou por mais do que uma vez a baliza de Ederson. No entanto, após o intervalo o jogo só deu mesmo City, com Riyad Mahrez e o substituto Raheem Sterling a marcarem antes de Gabriel Jesus assinar o quarto golo, numa partida em que João Cancelo esteve mais uma vez em destaque ao fazer três assistências.

Principal estatística: Seis dos 14 golos de Mahrez na Champions League foram marcados ao Club Brugge.
24/11: Club Brugge – Leipzig, Man. City – Paris

Leipzig 2-2 Paris

O Paris foi ultrapassado na liderança do Grupo A pelo Manchester o City após o penálti marcado por Dominik Szoboszlai, nos últimos instantes, ter valido ao Leipzig um merecido ponto. O bom início dos donos da casa surpreendeu o Paris e, depois de Christopher Nkunku ter aproveitado para bater o guarda-redes, de cabeça, estiveram perto de aumentar a vantagem, mas Gianluigi Donnarumma defendeu a grande penalidade apontada por André Silva. Dois golos de Georginio Wijnaldum viraram o jogo, mas o Leipzig continuou a tentar e conseguiu igualar nos descontos, dos 11 metros, a castigar uma falta de Presnel Kimpembe sobre Nkunku.

Principal estatística: Nkunku marcou cinco golos nos seus últimos quatro jogos na Champions League; apesar disso, o Leipzig não ganha há seis jogos na Europa, tendo sofrido dois ou mais golos em cada partida.
24/11: Club Brugge – Leipzig, Man. City – Paris

Contacto: +258 84 91 29 078 / +258 21 40 14 21 – comercial@feelcom.co.mz

Grupo B

Milan 1-1 Porto

 Inicie a sessão para ver os resumosResumo: Milan 1-1 Porto

Os « rossoneri » viram as suas aspirações de chegarem aos oitavos-de-final ficarem presas por um fio ao empatarem em casa com o FC Porto. E mesmo esse empate, que valeu ao Milan o seu primeiro ponto no Grupo B, pareceu perto de escapar, com o FC Porto a dominar por completo uma primeira parte em que marcou cedo, por intermédio de Luis Díaz, e em que só Ciprian Tătăruşanu, guarda-redes da casa, evitou males maiores para os anfitriões. O Milan melhorou no segundo tempo e, apesar de Evanilson ainda ter acertado na trave para o FC Porto, um autogolo de Chancel Mbemba acabou por ditar a igualdade.

Principal estatística: O FC Porto só perdeu um dos últimos nove jogos que disputou em fases de grupos da Champions League.
24/11: Atlético – Milan, Liverpool – Porto

Liverpool 2-0 Atlético

O Liverpool garantiu o primeiro lugar do grupo com dois jogos ainda por disputar graças a uma exibição dominante frente a um Atlético que se viu ultrapassado pelo FC Porto no segundo lugar. Depois de Diogo Jota ter aberto o marcador após um grande cruzamento de Trent Alexander-Arnold logo aos 13 minutos, o lateral-direito assistiu também Sadio Mané para o 2-0, oito minutos mais tarde. A expulsão de Felipe ainda na primeira parte fez com que o Atlético não fizesse mais do que limitar os danos na segunda parte.

Principal estatística: O Liverpool ganhou pela primeira vez na sua história os seus primeiros quatro jogos numa fase de grupos da Champions League.
24/11: Atlético – Milan, Liverpool – Porto

Sporting CP 4-0 Beşiktaş

Os campeões portugueses prosseguiram a sua recuperação no Grupo C com mais uma vitória categórica sobre os campeões turcos, que continuam assim sem qualquer ponto somado. Paulinho desperdiçou duas boas oportunidades para o Sporting nos dez minutos iniciais, antes de Cyle Larin fazer o mesmo na outra área. Depois, os « leões » tomaram em definitivo conta do jogo a partir do momento em que Pedro Gonçalves abriu o marcador na transformação de uma grande penalidade. O mesmo Pedro Gonçalves dilatou para 2-0 com um bonito remate em arco e ainda antes do intervalo Paulinho redimiu-se do desperdício inicial com um bonito terceiro golo para os anfitriões. Pablo Sarabia fechou a contagem numa recarga a abrir a segunda parte, já depois de também ele ter enviado uma bola aos ferros.

Principal estatística: Esta foi a maior vitória de sempre do Sporting na Champions League – depois de o triunfo por 4-1 no terreno do Beşiktaş na Jornada 3 ter sido o seu maior triunfo de sempre fora de portas na prova.
24/11: Beşiktaş – Ajax, Sporting CP – Dortmund

Dortmund 1-3 Ajax

 Inicie a sessão para ver os resumosResumo: Dortmund 1-3 Ajax

Três golos nos derradeiros 18 minutos do encontro valeram ao Ajax um triunfo e o carimbar do passaporte para os oitavos-de-final, num jogo em que estiveram durante muito tempo a perder por 1-0. A turma da casa viu Mats Hummels ser expulso perto da meia-hora de jogo, mas ainda assim ganhou vantagem graças a uma grande penalidade convertida por Marco Reus. Antony foi, depois, decisivo na recuperação do Ajax, fazendo as assistências para os golos de Dusan Tadić, Sébastien Haller – que marcou pela sétima vez nesta fase de grupos – e Davy Klaassen.

Principal estatística: O Ajax venceu os primeiros quatro jogos numa fase de grupos da Champions League pela primeira vez na sua história, eclipsando o seu anterior máximo, de três vitórias nas três primeiras jornadas, em 1995/96.
24/11: Beşiktaş – Ajax, Sporting CP – Dortmund

Grupo D

Sheriff 1-3 Inter

 Inicie a sessão para ver os resumosResumo: Sheriff 1-3 Inter

Os “nerazzurri” tiveram de esperar até à segunda parte para conseguirem derrotar a decidida equipa do Sheriff em Tiraspol. Marcelo Brozović abriu a contenda com um remate que escapou a Giorgos Athanasiadis, que também foi impotente para impedir Milan Škriniar de aumentar a vantagem dos visitantes. Alexis Sánchez marcou no seu terceiro toque depois de saltar do banco, antes de o Sheriff assinar o tento da consolação nos descontos por intermédio de Adama Traore. Com este triunfo, o Inter ultrapassou o Sheriff no segundo lugar do Grupo D.

Principal estatística: O golo de Alexis Sánchez foi o seu primeiro na Champions League desde que marcou pelo Arsenal na derrota por 5-1 contra o Bayern em Fevereiro de 2017.
24/11: Inter – Shakhtar, Sheriff – Real Madrid

Real Madrid 2-1 Shakhtar

 Inicie a sessão para ver os resumosResumo: Real Madrid 2-1 Shakhtar Donetsk

Graças a uma noite inspirada de Karim Benzema, o Real venceu um combativo Shakhtar em Madrid. Os « merenges » viram o avançado francês abrir o activo aos 15 minutos, após bom trabalho de Vinícius Júnior. Os visitantes responderam e empataram ainda antes do intervalo, por intermédio de Fernando, com um grande remate, mas Benzema viria a bisar no segundo tempo para recolocar o Real na frente, dando o melhor seguimento a uma boa jogada colectiva.

Principal estatística: O primeiro golo de Benzema no jogo foi o golo 1.000 do Real Madrid na Taça dos Campeões Europeus/UEFA Champions League – é o primeiro clube a atingir tal marco.
24/11: Inter – Shakhtar, Sheriff – Real Madrid

Contacto: +258 84 91 29 078 / +258 21 40 14 21 – comercial@feelcom.co.mz

leave a reply